CONTAMINAÇÃO? - 09/05/2019 - 15:46

Após almoço, 16 alunos passam mal em escola da rede estadual

Da redação, AJN1

Por volta das 8h30 desta quinta-feira (9), cerca de 16 alunos do Ensino Médio do Centro de Excelência Professora Maria Ivanda de Carvalho Nascimento, localizado no bairro Santos Dumont, zona Norte da Capital, passaram mal. Um professor e uma merendeira também tiveram sintomas parecidos, a exemplo de dores de cabeça e abdominal, além de náuseas. Eles alegam que os sintomas, dores de cabeça e abdominal, além de náuseas, tiveram início após almoço no colégio nessa quarta-feira (8).

Em nota, a Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc) afirma que uma ambulância de suporte avançado, seis de suporte básico e duas motos foram acionadas pela direção do colégio e chegaram de imediato, bem como nutricionistas do Departamento de Alimentação Escolar da Seduc, a fim de que todas as medidas emergenciais fossem tomadas pela Saúde e pela Educação.

Ainda segundo a Seduc, das 18 pessoas que passam mal, quatro não consumiram nenhum tipo de alimento na escola e que os sintomas em alguns dos casos iniciaram na quarta-feira, 8.  “Como os casos são de baixa complexidade, todos foram encaminhados para as unidades básicas de saúde de Aracaju, que fizeram o atendimento dos adolescentes e dos profissionais.”

As vigilâncias Sanitária e Epidemiológica do Estado estiveram no local e realizaram a coleta de amostras da água e dos alimentos da unidade de ensino, encaminhará para o Laboratório Central de Saúde Pública de Sergipe (Lacen).

A Seduc diz que caberá ao município o acompanhamento dos próximos passos para a investigação sobre o que ocasionou o mal-estar. As aulas da unidade escolar foram suspensas, mas retornarão nesta sexta-feira (10).