QUARESMA - 08/02/2018 - 14:54

Campanha da Fraternidade 2018 tem como tema a superação da violência

Foto: Arquidiocese de Aracaju

Da redação, AJN1

A violência no Brasil atingiu níveis tão assombrosos que foi escolhida pela Igreja Católica para estampar a Campanha da Fraternidade deste ano. O tema “Fraternidade e Superação da Violência” e o lema: “Vós sois todos irmãos” foram apresentados na manhã desta quinta-feira (8), pelo Arcebispo de Aracaju, Dom João José Costa, durante coletiva de imprensa na Cúria Metropolitana. A Campanha será lançada nacionalmente na Quarta-Feira de cinzas, dia 14 de fevereiro.

Dom João cobrou dos governos e da sociedade uma maior atenção para a superação da violência em Sergipe, classificada por ele como “problemática”. “É preciso que governos e sociedade se unam para combater essa problemática, principalmente os governos que devem programar políticas públicas que possam atacar o problema antes que ele aconteça. Se a gente tiver educação de qualidade, a violência diminuirá”, pontuou o Arcebispo.

O padre Adriano, assessor Eclesiástico para as Campanhas, reforçou que um dos grandes desafios para a superação da violência é a reconstituição das famílias. “As famílias, em sua grande parcela, estão destroçadas, desagregadas e elas são o grande pilar de preparação das pessoas para a vida social e nisso nós da Igreja podemos contribuir para a sua solidificação como família cristã, que tem Cristo como centro, o que afasta o engajamento em caminhos tortuosos”, declarou.

Campanha

Criada em 1962, a CF é lançada todo ano na quarta-feira de cinzas, quando tem início a Quaresma, período de 40 dias no qual a Igreja Católica convida os fiéis a praticar a oração, o jejum e a esmola. A ação vai até o domingo de Ramos.