SERÁ? - 05/04/2018 - 18:49

Eliane se desliga do cargo de secretária e pode disputar cargo eletivo



A vice-prefeita Eliane Aquino (PT) pegou muitos amigos e a classe política de surpresa nesta quinta-feira (5), ao entregar o cargo de secretária da Assistência Social ao prefeito Edvaldo Nogueira. O afastamento é obrigatório para que ela possa estar elegível no pleito deste ano, conforme a legislação eleitoral.

Eliane Aquino continua exercendo a função de vice-prefeita, mas fica impossibilitada, até o final do período eleitoral, de assumir o comando municipal, caso haja necessidade de afastamento temporário do prefeito.

Com isso, abre-se a possibilidade da petista entrar na disputa eleitoral após rumores de um suposto rompimento do grupo ligado a Jackson Barreto (MDB) com o PT liderado por Rogério Carvalho, principalmente após as declarações polêmicas que o chefe do Executivo fez durante entrevista de rádio na semana passada, ao colocar na conta da gestão do ex-governador Marcelo Déda, o uso indevido dos recursos da primeira parcela do Proinveste.

Essa declaração de Jackson, mesmo ele se retratando no dia seguinte, provocou uma onda de críticas dos petistas, inclusive de Eliane, que disse “estar estarrecida” com a afirmação do governador.

Caso o PT rache mesmo com o grupo de Jackson, Eliane desponta como candidata fortíssima à vaga ao governo, em uma chapa majoritária “puro sangue”.