CARNAVAL 2019 - 25/02/2019 - 17:00

Escola de Samba abordará declínio do cangaço em Sergipe

Foto: Marcus Ferreira

 

A Escola de Samba “Inocentes de Belford Roxo”, do Rio de Janeiro, falará, em uma de suas alegorias, sobre o declínio do cangaço em Sergipe, a exemplo da morte de Lampião e seu bando na Grota do Angico, no município de Poço Redondo, em 1938, fazendo um paralelo com os dias atuais e oferecendo aos espectadores do espetáculo uma inspiração cinematográfica.

O enredo “O Frasco do Bandoleiro” da escola da Baixada Fluminense também aborda crendices de pessoas que guardavam fortunas enterradas em seus quintais no Nordeste do país e cenas de casos atuais de corrupção.

A alegoria que fala do Cangaço leva panelas velhas, garrafas, baldes e outros utensílios que seriam descartados. “O pessoal tem trazido, mas a gente precisa de mais”, disse o carnavalesco Marcus Ferreira à imprensa carioca.

O desfile da escola, que pertence ao grupo de acesso, isto é, aquelas que estão buscando posição no grupo especial, acontece nesta sexta, dia 1º, a partir de 1h45 da madrugada.