LITERATURA - 09/01/2018 - 10:19

Escritora sergipana lança segundo livro de poesias

Foto: Divulgação

O livro Poesia Imperativa, da escritora sergipana, Alana Regina, 27 anos, natural de Aracaju, será lançado em fevereiro de 2018. Trata-se do terceiro livro da escritora, que é mestra em Estudos Literários e começou
com Maria Rejeitadinha e Outros Poemas (2011), depois lançou o Sob Encomenda: contos, e, agora, retorna à poesia, com Poesia Imperativa.

A escritora também foi destaque especial no Concurso “Metacantos”, da Editora Literacidade, em 2016, além de ter vencido o concurso mensal do site do escritor Ulisses Tavares, em 2012 e de também ter sido uma das
vencedoras do Concurso Pão e Poesia 2017 e de ter conquistado o segundo lugar em concurso da Semana de Letras da UFPR, em 2017.

A obra

Poesia Imperativa é um livro necessário para pensar a literatura feita fora dos grandes centros editoriais do Brasil. Trata-se de uma publicação completamente independente, de uma escritora que problematiza imperativos
sociais contemporâneos, como preconceitos e discriminações, sem deixar de lado o amor, a amizade, a melancolia, enfim, a existência humana. Alana traz a condição do ser, individual e socialmente, escrevendo uma obra que
promete tirar o leitor de sua zona de conforto, enquanto o acalenta.

A obra reúne 25 poesias. Entre elas, há duas premiadas: Sintonia (uma das vencedoras do Concurso Pão e Poesia 2017, de Blumenau – SC) e Parto (2º lugar no Concurso Literário da Semana de Letras 2017, da Universidade
Federal do Paraná).

A diagramação e a capa ficaram por conta de Aline Fortunato. Além disso, está sendo produzido um book trailer da obra, com a direção de Leonardo Arruda, a fim de dar ao leitor um gostinho do que está por vir.