COMBATE - 05/02/2019 - 10:46

Famílias do residencial Marcelo Déda são recadastradas

Foto: Arquivo/DPU

 

Da redação, AJN1

Moradores do residencial Governador Marcelo Déda, na Barra dos Coqueiros, estão sendo recadastrados nesta terça-feira (5). A medida tem como objetivo verificar se os imóveis – entre casas e apartamentos – ainda estão de posse das famílias que foram retiradas das comunidades do Canal do Guaxinim e Rio das Canas. A ação está sendo realizada por uma Força Tarefa integrada pelas equipes das polícias Militar, Civil e Federal, juntamente com o Ministério Público Federal (MPF) e Prefeitura da Barra dos Coqueiros.

O recadastramento das famílias do Marcelo Déda acontece um dia depois, que policiais civis e militares prenderam dois homens acusados de expulsar e se apropriar dos imóveis, que eram alugados ou repassados a pessoas ligadas a eles. Além disso, os suspeitos, atuavam no tráfico de drogas.

A informação da polícia é que as famílias que forem encontradas de forma irregular terão que deixar o residencial, que foi entregue em abril do ano passado, pois é vedada a venda, locação ou cessão dos imóveis.