INVESTIGAÇÃO - 28/11/2018 - 10:13

Preso tatuador acusado de abusar sexualmente de mulheres e crianças



 

Da redação, AJN1

Equipes dos Departamentos de Atendimento a Grupos Vulneráveis (DAGV) e de Crimes Contra o Patrimônio (Depatri) prendeu o tatuador Wagner Bruno Reis, 30, que é acusado de abusar sexualmente de mulheres e crianças. A prisão aconteceu nesta terça-feira (27) na residência do suspeito, onde também funcionava o estúdio de tatuagens, no bairro Suíssa, em Aracaju. No local, os policiais ainda apreenderam medicamentos para sedação das vítimas e vídeos dos abusos.

O caso começou a ser investigado na semana passada pela Delegacia Especial de Atendimento a Crianças e Adolescentes Vítimas (Deacav). Denúncias que foram repassadas à polícia indicam que o suspeito estuprava crianças – ainda na primeira infância – e mulheres, que eram dopadas.

Nos levantamentos realizados, a polícia conseguiu indícios que comprovavam a prática dos crimes. Nesta terça-feira, a preventiva do tatuador foi decretada pelo juízo plantonista da capital. No cumprimento do mandado, os policiais detiveram Wagner e encontraram na casa dele, no bairro Suissa, equipamentos de vídeo com imagens dos abusos praticados e medicamentos usados para sedar as vítimas.

Segundo informações de policiais, ao ser interrogado, o tatuador confessou os crimes. Ele também foi autuado em flagrante por armazenamento de conteúdo pornográfico infantil.