ALTA - 14/11/2017 - 10:10

SE tem o maior crescimento na arrecadação de ICMS do NE

Foto: Ilustrativa/Internet

 

O Nordeste arrecadou R$ 47,7 bilhões de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS), nos primeiros oito meses de 2017. Foi um incremento real de 2,2% em relação ao mesmo período do ano passado. Houve aumento nos seguintes Estados: Sergipe (+3,9%), Bahia (+3,4%), Piauí (3,2%), Pernambuco e Ceará (+3,1%, cada), Paraíba (+2,9%), Maranhão (+0,7%) e Rio Grande do Norte (+0,6%).

O setor terciário apresentou a maior participação média na arrecadação do ICMS do Nordeste (43,4%). Os setores secundário, terciário, energia além de petróleo, combustíveis e lubrificantes concentraram 95,9% da arrecadação total.

O levantamento é do Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste (Etene), do Banco do Nordeste, com dados do Banco Central e Ministério da Fazenda. O estudo completo está disponível no endereço www.bnb.gov.br/diario-economico-2017.

Segundo os autores, a arrecadação de ICMS pode ser utilizada como um indicador antecedente da atividade econômica. Assim, projeta-se a retomada do crescimento econômico em quase todas as regiões do país, bem como de forma mais contundente na maioria dos estados do Nordeste, no corrente ano.

Fonte: Ascom BNB