PRESTANDO CONTAS - 13/03/2018 - 10:13

Secretário apresenta balanço do 3º quadrimestre de 2017

Foto: Heribaldo Martins/CMA

 

O secretário municipal da Fazenda, Jeferson Passos, apresentou nesta segunda-feira (12) na Comissão de Finanças, Tomada de Contas e Orçamento da Câmara Municipal de Aracaju (CMA) o balanço fiscal do terceiro quadrimestre de 2017. O secretário mostrou o demonstrativo das receitas; despesas; e o desempenho financeiro do município em relação às metas fiscais contidas na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO).

A audiência foi conduzida pelo presidente da comissão, Thiaguinho Batalha (PMB), que falou sobre os resultados apresentados. “Pudemos observar um quadro bastante positivo em relação às despesas e receitas do município e as previsões de investimentos para a cidade. Os números são animadores e já presumem um ano de 2018 melhor que 2017. Isso é bom porque arrecadando mais a Prefeitura poderá investir em obras, trazendo mais desenvolvimento para a cidade”, comentou.

De acordo com o levantamento, o resultado primário foi positivo em R$ 171 milhões, fruto do ajuste financeiro da Prefeitura. O mesmo ocorreu com resultado nominal, que também foi melhor que o previsto, com a redução da dívida consolidada líquida de R$ 94 milhões. A situação da previdência também foi debatida e o secretário demonstrou preocupação, já que os números apresentaram um déficit no valor de R$ 198 milhões em 2017.

“Essa economia é o resultado de um esforço muito grande de contenção de gastos e um planejamento que foi elaborado para trazer a Prefeitura de Aracaju de volta ao trilho. Havia um desequilíbrio muito grande nas finanças, as despesas eram maiores que as receitas e o endividamento vinha aumentando sensivelmente desde 2014 e se agravou em 2016”, relatou Jeferson Passos.

Para o vereador Américo de Deus, é preciso conhecer os números para que os vereadores possam exercer o papel de fiscalizadores. “Como vereador, nosso papel é fiscalizar as ações do executivo. Portanto, é preciso que os vereadores tomem ciência desses números para que nós possamos cobrar fundamentado, pois não adianta fazer a cobrança sem ter a noção de como está sendo feito o processo da arrecadação, bem como a capacidade de pagar os investimentos”, disse.

O vereador Jason Neto ressaltou o desempenho positivo da economia. “A dívida do município caiu, o investimento foi maior e a previsão para 2018 é demais investimentos. Agora ficamos na expectativa para o anúncio do reajuste dos servidores em abril. Portanto, o que vimos foi positivo e ficamos na torcida para que a situação fiscal do município melhore ainda mais”

Mesmo não fazendo parte da comissão de Finanças, o vereador Anderson de Tuca fez questão de acompanhar a audiência. “Este é um momento importante para que a gente possa participar e ajudar no debate em torno da situação financeira do município. Eu quero parabenizar o vereador Thiaguinho Batalha pela excelente audiência em que todos os vereadores foram convidados”, pontuou.

Fonte: Ascom Parlamentar