PROCESSO EXTINTO - 27/11/2018 - 15:59

TRF5 absolve todos os réus da Operação Navalha

Da redação, Joangelo Custódio

Os desembargadores da segunda turma do Tribunal Regional Federal da 5 ª Região (TRF5) absolveram nesta terça-feira (27), por unanimidade e por inexistência de provas, os 11 réus da Operação Navalha. Entre os que tiveram o processo anulado estão Zuleido Soares de Veras, Ricardo Magalhães da Silva, Flávio Conceição de Oliveira Neto, João Alves Neto, José Ivan de Carvalho Paixão, Max José Vasconcelos de Andrade, Gilmar de Melo Mendes, Victor Fonseca Mandarino, Kleber Curvelo Fontes e Sérgio Duarte Leite. As ações haviam sido julgadas de forma procedente pela Justiça Federal em Sergipe, mas a defesa recorreu e reverteu a causa.

A Operação Navalha foi deflagrada pela Polícia Federal em maio de 2007 e visou desbaratar um suposto esquema de corrupção relacionados à contratação de obras públicas feitas pelo governo Federal. Em Sergipe, a obra em questão foi a duplicação da adutora do São Francisco.

A assessoria jurídica do empresário João Neto, em nome do advogado Cristiano Cabral, disse com exclusividade ao portal AJN1 que a absolvição é uma grande vitória.

“Estamos felizes pelo reconhecimento dos nossos argumentos, que sempre foram firmes dentro do processo, firmes e robustos. Nunca deixamos de acreditar na absolvição, desde o início”, destaca, ao lembrar que o processo tramitava há 11 anos.

O relator do processo foi o desembargador Paulo Roberto de Oliveira Lima, que votou favorável à extinção da ação, tendo o voto acompanhado pelos demais magistrados.