ARACAJU/SE, 14 de julho de 2024 , 22:32:14

logoajn1

Edise lança obra que aborda o folclore brasileiro

Mais uma obra é publicada pela Editora Diário Oficial de Sergipe (Edise), desta vez trazendo o folclore brasileiro como temática. A obra ‘Celebrações e Estudo do Folclore Brasileiro’, de Luciana Aguiar, retrata o Encontro Cultural de Laranjeiras, a consolidação do folclore no evento e a caracterização da devoção festiva a Nossa Senhora do Rosário e São Benedito. O evento de lançamento será dia 8 de agosto, às 17h, no Museu da Gente Sergipana Gov. Marcelo Déda, em Aracaju.
Luciana Aguiar atualmente cursa doutorado em Antropologia pela Université Paul Valery – France – com ênfase na área de Antropologia Cultural, atuando principalmente em temas como danças populares, cultura popular brasileira, ritual e simbolismo e patrimônio imaterial. O livro, que é a primeira obra publicada pela autora, é resultado da dissertação de mestrado defendida por Luciana em 2011, na Universidade Federal do Rio de Janeiro e, segundo ela, o livro, “almeja compreender a permanência do festival, bem como suas tensões, mudanças e ressignificações, a partir da observação participante e da análise das memórias e narrativas a seu respeito”.
Um dos objetos de estudo aprofundado e sistematizado no livro são as Taieiras, um dos grupos folclóricos pertencentes à cidade de Laranjeiras. As Taieiras fazem parte da programação da devoção festiva a Nossa Senhora do Rosário e São Benedito. Luciana Aguiar, que conheceu o folclore de Laranjeiras ao estudar o grupo folclórico Mineiro-Pau, de Nova Friburgo, no Rio de Janeiro faz uma comparação entre os grupos mostrando semelhanças e diferenças. “São expressões culturais bastante diferentes. A Taieira tem uma ligação forte com uma religiosidade e este aspecto é inexistente no Mineiro-Pau. A Taieira é formada majoritariamente por meninas jovens, enquanto o Mineiro-Pau é formado exclusivamente por homens adultos. Ambas as expressões culturais, no entanto, possuem uma musicalidade bem precisa e ritmada”.
Luciana fala ainda da escolha da Edise para publicar seu livro. “A Edise representa para mim o lugar de publicação de obras sobre aspectos culturais, sociais e políticos de Sergipe. Além disso, a Editora representa um elo com Luiz Antonio Barreto (in memoriam), fiel admirador da cultura sergipana e um dos mais importantes interlocutores nesta obra. Luiz Antonio Barreto foi aquele que me incentivou a publicar pela Edise e este livro é dedicado a sua memória”.
Para o presidente da Segrase, Ricardo Roriz, a obra celebra o folclore sergipano e é mais uma valiosa contribuição a Sergipe, pois “apresenta conhecimento e compreensão da cultura popular contemporânea”.
O livro de Luciana Aguiar, ‘Celebrações e Estudo do Folclore Brasileiro’, já pode se adquirido em nosso site goo.gl/Q6mTzk.
Fonte: Assessoria/Edise

Você pode querer ler também