Homem é preso após matar desafeto com mais de dez facadas

 

Da redação, AJN1

Acusado de matar José Carlos Sabino de Oliveira, o “Pernambuco”, 57, com mais de dez golpes de faca, Erivaldo Santana dos Santos, o “Nego Véio”, 44, foi preso pelas equipes do 3º Batalhão da Polícia Militar (BPM) e da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). O crime aconteceu neste domingo (22) na rua Seis do bairro Riacho Doce, em Itabaiana. Como estava ferido, por conta de agressões praticadas por populares, o acusado foi encaminhado ao Hospital Regional Pedro Garcia Moreno e depois levado para Delegacia Regional onde foi autuado em flagrante.

Pelo que foi esclarecido, o assassinato teria como pano de fundo o histórico de desentendimentos entre vítima e acusado. Na madrugada de ontem, o acusado teria ingerido bebida alcóolica e foi até a residência de José Carlos. Armado com uma faca, Erivaldo desferiu mais de uma dezena de golpes na vítima, que teve morte no local. Após o crime, populares perseguiram e chegaram a espancar o acusado, que conseguiu fugir e jogou a arma em um matagal. O caso foi comunicado à polícia e equipes do 3º BPM estiveram na localidade realizando os primeiros levantamentos.

Horas depois, uma denúncia anônima indicando que Erivaldo estava escondido na casa de um amigo levou militares do 3º BPM, juntamente com a equipe do DHPP da Regional de Itabaiana, a realizar buscas pela localidade. Com o apoio da comunidade, eles chegaram até o acusado, que foi preso e precisou receber atendimento médico. Ao ser interrogado na delegacia, Erivaldo confessou a autoria do assassinato. Ele já respondeu a processo por homicídio tentado no ano de 2005, mas foi absolvido da acusação.

O corpo de José Carlos foi removido para o Instituto Médico Legal (IML), em Aracaju, onde foi necropsiado e liberado para o sepultamento, que aconteceu no final da tarde do domingo.