PC desarticula grupo criminoso que assaltava propriedades rurais

 

Da redação, AJN1

Equipes da Polícia Civil desarticularam um grupo criminosos que vinha invadindo e implantando o terror em propriedades rurais de Nossa Senhora das Dores, Cumbe, Feira Nova, Gracho Cardoso, Estância, Propriá e Telhas. A informação é que o grupo teria praticado mais de 20 assaltos. Foram presos Álvaro Pereira da Silva Melo, Antônio José Feitosa, Gleydson Vieira Bezerra e João Bosco Quintela Vieira Júnior. Com o grupo, que sempre agia com violência, foram apreendidos um revólver e espingarda. Agora o trabalho da polícia continua para identificar os receptadores e recuperar os bens roubados.

De acordo com policiais, a ação dos criminosos vinha sendo investigada pela equipe da Delegacia Regional de Dores. Em uma das roubos, um dos suspeitos perdeu o aparelho celular. Nos levantamentos realizados foi possível identificar os integrantes do grupo. Por conta disso, foi montada uma operação que envolveu as equipes da Coordenadoria da Polícia Civil do Interior (Copci), Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol) e da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core).

Os suspeitos estavam escondidos no povoado Cajueiro, em Dores, onde acabaram capturados. Pelo que ficou esclarecido, João Bosco também estava com mandado de prisão em definitivo decretado pelo juízo da Comarca de Estância, decorrente de sentença condenatória. Com o grupo foram apreendidos um revólver calibre e uma espingarda, calibres 32.