ARACAJU/SE, 18 de julho de 2024 , 10:23:41

logoajn1

Polícia ainda procura 16 detentos que fugiram do presídio de N. Senhora da Glória

Joângelo Custódio, repórter AJN1

 

A polícia sergipana ainda está no encalço de 16 dos 20 detentos que zarparam no último dia 21 de agosto do Presídio Regional Senador Leite Neto (Preslen), no município de Nossa Senhora da Glória, durante rebelião que culminou na morte de um agente penitenciário, além de deixar outros dois feridos. 

 

Rebelião escancarou para à sociedade a fragilidade so sistema prisional do Estado. A própria categoria dos agentes prisionais já havia denunciado as condições precárias do sistema e da iminência de fugas.

 

Para dar suporte aos agentes carcerários, o governo do Estado solicitou ajuda da Força Nacional, da Secretaria de Segurança Pública. A tropa chegou na última sexta-feira (28) em terras sergipanas. 

 

Segundo o assessor de comunicação da Polícia Militar, major Paiva, as forças de segurança continuam trabalhando para recapturar os foragidos. “Contamos com o apoio da população sergipana, ligando para o 181, do Disque Denúncia, sob sigilo absoluto, e nos ajudar a pegar esses bandidos”.

 

4 reconduzidos

 

Até o momento, quatro foragidos foram reconduzidos à unidade prisional. O primeiro havia se entregado horas depois da fuga, já que estava baleado. O segundo foi recapturado nas proximidades do município de Feira Nova.

 

O terceiro foi preso no bairro Santos Dumont, em Aracaju, e o quarto estava no Conjunto Médici, Zona Oeste de Aracaju, escondido na casa de familiares.

 

O major Paiva / Foto: SSP

Você pode querer ler também