ARACAJU/SE, 19 de julho de 2024 , 23:30:43

logoajn1

Edital do “Arraiá do Povo” revolta músicos sergipanos

 

Por Ivo Jeremias

 

O Edital para seleção artística do Encontro Nordestino de Cultura, que acontece no ‘Arraiá do Povo’, lançado pela Secretária de Cultura do Estado de Sergipe no dia 29 de maio tem sido motivo de revolta para os músicos sergipanos. Em entrevista a rede Ilha na manhã desta terça-feira,9, o diretor de comunicação do Sindicato dos Músicos Profissionais do Estado de Sergipe (Sindmusi), Alberto Marcelino, questionou a diferença dos valores dos cachês pagos aos artistas locais e às atrações de outros estados.

 

De acordo com Alberto, o músico sergipano foi colocado numa categoria em que só pode ser receber o valor de até R$ 8 mil, já os artistas de fora se apresentam por cachês de até R$ 30 mil. “Não queremos procurar briga com ninguém, estamos defendendo nosso espaço. Tenho certeza que esses artistas que vêm de fora fariam o mesmo em seus estados. Um artista com Erivaldo de Carira ou Loirinho do Acordeon não pode ganhar só isso, é preciso valorizar o artista local”.  

 

Edital

 

O edital dividiu as atrações artistas em sete categorias. Os artistas sergipanos ficaram na categoria de “Atrações Musicais Locais Consolidadas”, com um cachê de até R$ 8 mil para uma apresentação de 2 horas. Os músicos de outros estados foram divididos nas categorias “Atrações Musicais Convidadas do Nordeste” e “Atração Musical Nacional”, com caches de R$ 20 mil e R$ 30 mil reais respectivamente para shows com a mema duração. Confira o polêmico trecho do edital abaixo e na integra no site da Secretaria de Estado da Cultura:

 

(3) CATEGORIA ATRAÇÕES MUSICIAS LOCAIS CONSOLIDADAS –

 

Grupos Sergipanos com histórico musical consolidado, com apresentação em outros estados do Nordeste, comprovado através de clipping. Irão se apresentar no palco Arraiá do Povo – 15 (quinze) vagas;

  1. O selecionado realizará 01 apresentação musical com duração de 2h (duas horas);
  2. A programação da apresentação deverá ser voltada para o público adulto.
  3. Serão oferecidos cachês no valor de até R$ 8.000,00(oito mil reais);
  4. As despesas com transporte de pessoal e material, bem como alimentação correrão por conta do selecionado;
  5. As despesas com indumentárias, instrumentos ou demais materiais, caso necessário, correrão por conta do selecionado;

 

(4)CATEGORIA ATRAÇÕES MUSICAIS CONVIDADAS DO NORDESTE –

 

Grupos de Espetáculos Musicais de outros Estados do Nordeste, a serem realizadas no palco Arraiá do Povo- 10 (dez) vagas;

  1. O selecionado realizará 01 (uma) apresentação, onde cada apresentação terá a duração de 2h (duas horas);
  2. Serão oferecidos cachês do valor de até R$ 20.000,00(vinte mil reais) por apresentação;
  3. As despesas com transporte de pessoal e material, bem como alimentação correrão por conta do selecionado;
  4. As despesas com indumentárias, instrumentos ou demais materiais, caso necessário, correrão por conta do selecionado;
  5. Caso não sejam preenchidas as vagas, estas serão completadas por bandas/músicos locais; 

 

(5)CATEGORIA ATRAÇÃO MUSICAL NACIONAL

 

Grupos com histórico musical consolidado nacionalmente, com apresentação em todo Brasil, comprovado através de clipping. Irão se apresentar no palco Arraiá do Povo – Total 2 (duas) vagas. Poderão se inscrever bandas de qualquer localidade do território nacional.

  1. O selecionado realizará 01 apresentação com duração de 2h (duas horas);
  2. A programação da apresentação deverá ser voltada para o público adulto e infantil e a temática deverá obedecer ao conceito de tradicionalismo do folclore e da cultura nordestina;
  3. Serão oferecidos cachês no valor de até R$ 30.000,00 (trinta mil reais);
  4. As despesas com transporte de pessoal, hospedagem, alimentação correrão por conta do selecionado;
  5. As despesas com indumentárias, instrumentos ou demais materiais, caso necessário, correrão por conta do selecionado;

 

Secretaria de Cultura

 

O secretário de Estado da Cultura, Elber Batalha, explicou que o edital foi feito às pressas, com base num antigo e que o evento nem seria realizado se não fosse o esforço da Secretaria. Elber ainda disse entender a reclamação dos músicos, mas fez a ressalva que a maioria das atrações do evento são locais.  

 

 “Serão 58 atrações, 50 são sergipanos. Ainda teremos 16 quadrilhas juninas e 4 grupos de artes cênicas. Os músicos têm o direito de reclamar, mas a verdade é que este foi o edital que foi possível apresentar. Conseguimos aprovar ele ao apagar das luzes, modificamos o edital que era de outro evento em apenas cinco dias. O Ministério da Cultura pediu que dividíssemos os artistas em categorias, a maioria dos artistas de Sergipe ficou na categoria artistas locais consolidados e só foram disponibilizadas 15 vagas. No próximo ano, com mais tempo, poderemos construir um edital melhor”, disse Elber.

 

'Arraiá do Povo'

 

o Encontro Nordestino de Cultura, que será realizado no Arraiá do Povo, acontece no período de 18 a 29 de junho e contará com músicos, grupos musicais, trios, grupos de dança, música e teatro, coletivos de audiovisual e/ou artes visuais.Ao todo 92 artistas se apresentarão, sendo 58 atrações musicais, 4 coletivos de intervenção urbana e/ou audiovisual, 10 grupos folclóricos e 20 produções de artes cênicas.

 

Você pode querer ler também