Família diz que João Alves Filho não responde a tratamento

Da redação, AJN1

O ex-governador de Sergipe, João Alves Filho, de 79 anos, segue internado na UTI do Hospital Sírio Libanês, em Brasília, onde deu entrada na última quarta-feira (18), após sofrer uma parada cardíaca. De acordo com os familiares, o quadro clínico de João apresentou piora, ainda que paulatina, nas últimas horas e não está respondendo aos medicamentos.

Com Alzheimer, doença neurodegenerativa, João Alves reside na capital federal há algum tempo, na companhia da esposa, a senadora Maria do Carmo. Devido à saúde debilitada, vinha sendo mantido em home care (assistência médica domiciliar).

No dia 15 de julho de 2019, João foi internado às pressas, por complicações decorrentes do Alzheimer, onde precisou ser submetido a traqueostomia e gastrostomia. No mês de maio daquele mesmo ano, o ex-gestor também foi internado após cair no banheiro de casa e sofrer um corte na cabeça, recebendo alta médica dias depois.

João é engenheiro civil e governou Sergipe por três vezes (1983-1987, 1991-1994 e 2003-2006); foi prefeito da capital em dois mandatos (1974-1977 e 2013-2016) e Ministro do Interior (1987-1990).