- 14/03/2020 - 05:00

Coronavírus, ele chegou

O Coronavírus chegou ao Brasil e é questão de tempo para chegar a Aracaju. Apesar de ter uma letalidade baixa , ele é facilmente transmitido e acomete um grande número de pessoas que fatalmente irão necessitar do sistema de saúde.  Os casos graves acomentem prinipalmente idosos imunossuprimidos onde chega a uma letalidade de 15% e uma taxa de complicacão com necessidade de UTI em mais de 50% dos casos.

Calma, nada de pânico. Muitas são as fake news e orientações bizarras para prevenir o coronavirus. Vamos passar pelos sintomas de alerta e sobre o que fazer no caso de suspeita.

O que as pessoas com Coronavírus sentem ?

O vírus gera um processo inflamatório com sintomas típicos de processo gripal principalmente febre e tosse seca. Ele tende a ser autoresolutivo com duração de cerca de uma semana. Quando acomente os pulmões, geralmente por volta do terceiro dia, se iniciam sintomas respiratórios mais intensos que podem evoluir com insuficiência respiratória e necessidade de intubação.

Como fazer para evitar ?

Por ser um vírus de alta transmissibilidade, a chance de se contaminar quando entramos em contato com alguém infectado é muito grande. Um dos principais pontos é evitar locais com conglomerados de pessoas, caso isso seja impossível, utilizar máscaras. Por esse motivo inúmeros eventos estão sendo cancelados e lugares como a Disney e o museu do Louvre estão sendo fechados. O uso do alcóol gel e a lavagem de mãos é fundamental para evitar a disseminação do virus e a própria contaminação. Não tossir sobre as mãos , não ter contato com boca, nariz e olhos são dicas importantes e as vezes desafiadoras de serem conseguidas. Pacientes idosos e em tratamento oncológico ou imunossupressor devem de preferência ficar afastados de conglomerações e fazer home office durante o periodo ativo da epidemia.

Sentindo os sintomas

Começou com febre e tosse ? Fique em casa !

Essa é a premissa básica para evitar a disseminação da doença. A Secretaria de Saude de Sergipe deve se manifestar em breve orientando alguns pontos de referência que devem estar preparados especificamente para receber esses casos oferecendo o teste e o suporte adequado.

Uma hora acaba

A previsão de duração da circulação do virus no Brasil é de cerca de 4 meses. É de extrema importância que estejamos tranquilos, informados e organizados para passarmos por esta fase com o mínimo de danos possível.

Até semana que vem !