- 01/09/2019 - 05:00

Quanta mudança!

Como bons observadores, precisamos parar, sempre que possível, para analisar certos momentos em nossa vida e, então, tirarmos algumas lições importantes. Então vamos lá!

Uma dessas lições que me chama muito a atenção é o fato de que o sucesso é realmente efêmero. As pessoas esquecem facilmente (e muito rapidamente) das coisas boas e acertadas que você faz. E se você acertar 99 vezes, mas errar a centésima, com certeza essa última é a que ficará na lembrança da maioria. Quanta mudança! Portanto, não se agarre ao sucesso, pois você pode correr o risco de ficar sozinho agarrado a ele. Na verdade, o sucesso pode ser, inclusive, um inimigo do nosso crescimento, pois nos acomodamos ao que já deu certo, sem perceber a oportunidade de coisas novas que poderíamos estar experimentando em nossa vida.

Outra coisa que podemos analisar em nossa vida é quanto à importância de sabermos quem nós somos e acreditarmos no que estamos fazendo. Não deveríamos depender exageradamente do apoio dos outros, pois podemos nos decepcionar. Hoje, aqueles que estão lhe aplaudindo podem ser no futuro os mesmos que lhe apedrejem. Não foi assim com Jesus? Um dia, ele estava entrando na cidade de Jerusalém, montado em um burrinho, e as pessoas chegavam a tirar suas túnicas para colocar no chão para ele passar; outras cortavam ramos de árvores e faziam a mesma coisa. Pois bem! Aquelas mesmas pessoas, dias depois, estavam gritando diante de Jesus e do governador Pilatos: “Crucifica-o! Crucifica-o!” Pessoas que haviam sido curadas por Ele, libertadas por Ele, alimentadas por Ele, mas agora parecia que tudo aquilo havia caído no esquecimento. Quanta mudança!

Infelizmente, essa história, guardando as devidas proporções, continua acontecendo. Talvez a melhor maneira de passar por isso seja cuidando das nossas expectativas com mais maturidade, sabendo que existe alguém que realmente torce por todos nós, e não apenas torce, mas também nos capacita para vencermos. Esse Alguém é Jesus, o vencedor dos vencedores e que vive para todo o sempre. Se apegue a Ele, pois Ele nunca vai lhe decepcionar e, por mais que você falhe, por causa de sua misericórdia saberá estender a mão para que você se apoie e se levante.

Um forte abraço e até a próxima oportunidade se Deus disser que sim.