Sergipe perde João Alves Filho, um grande homem público, que muito contribuiu para o desenvolvimento do estado. Saiba mais

Delegados de polícia decidem cruzar os braços por 72h

 

Da redação AJN1

Após assembleia geral extraordinária realizada na manhã desta quarta-feira (3), os delegados de polícia decidiram paralisar as atividades por 72 horas. A medida entra em vigor a partir das 8h desta quinta-feira (4).

De acordo com o presidente da Associação dos Delegados de Polícia de Sergipe (Adepol), delegado Paulo Márcio Cruz, foi deliberado que, durante o período de paralisação, funcionarão apenas as plantonistas Norte e Sul, em Aracaju, e a delegacia plantonista de Itabaiana, as quais atenderão a todos as ocorrências da capital e interior. Nesse período, as demais unidades policiais realizarão apenas o registro de boletins de ocorrência.

A categoria cobra do governo do Estado a regulamentação da acumulação de delegacias, a correção do reajuste da remuneração financeira por plantão, a fixação de nova jornada de trabalho, o pagamento em dia dos salários e a equiparação salarial com procurador do Estado.