PMA dá reajuste de 4,42% e servidores da saúde acabam greve

Da redação, AJN1

 

Os servidores da saúde do município de Aracaju anunciaram nesta sexta-feira (15), após assembleia, o fim da greve que já durava 45 dias. A decisão ocorre após a Prefeitura de Aracaju conceder reajuste salarial de 4,42%, ainda está aquém dos anseios dos servidores, os quais exigiam 12,5%. Com isso, dez categorias, dentre médicos, enfermeiros e psicólogos, devem voltar aos trabalhos na próxima segunda-feira (18).

 

De acordo com o diretor do Sindicato dos Trabalhadores da Área da Saúde do Estado de Sergipe (Sintasa), Adailton dos Santos, a categoria ainda está insatisfeita e não vai se aquietar até o prefeito João Alves conversar sobre as pautas de reivindicação. O reajuste é retroativa a 1º de julho de 2016.