ARACAJU/SE, 20 de julho de 2024 , 0:05:49

logoajn1

Servidores do INSS entram em greve por tempo indeterminado

 

 

Os servidores do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) entraram em greve por tempo indeterminado nesta quinta-feira,9. A categoria reivindica a incorporação das gratificações no salário base, redefinição da carga horária, condições de trabalho dignas e reposição das perdas inflacionárias acumuladas desde 2012. Como  as negociações com o governo federal não avançaram, a categoria decidiu paralisar as atividades.

Um balanço do Ministério da Previdência Social divulgado na terça-feira, 7, revelou que das 1.605 agências do país, 196 estavam fechadas e 273 tinham atendimento parcial. O ministério diz que 1.294 funcionários, do total de 32.487, aderiram à paralisação nacional.

Em Sergipe servidores de 19 unidades do INSS paralisaram as atividades. Mesmo com o efetivo minímo estipulado pela justiça  de 30% dos servidores do órgão em atividade, cerca de três mil pessoas devem ficar sem atendimento diariamente.

Governo

O Ministério da Previdência social divulgou a seguinte nota sobre a greve dos servidores:

Sobre a paralisação dos seus servidores em algumas Unidades da Federação, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), informa:

1) Os segurados que possuam agendamento para atendimento em uma Agência da Previdência Social (APS) e que não sejam atendidos em razão da paralisação dos servidores terão sua data de atendimento remarcada. O reagendamento será realizado pela própria APS e o segurado poderá confirmar a nova data ligando para a Central 135 no dia seguinte à data originalmente marcada para o atendimento.

2) O INSS considerará a data originalmente agendada como a data de entrada do requerimento, para se evitar qualquer prejuízo financeiro nos benefícios dos segurados.

3) A Central de Atendimento 135 está à disposição para informar quais as Agências onde não há atendimento em virtude da paralisação e para orientar os cidadãos.

4) O Ministério da Previdência Social e o INSS têm baseado sua relação com os servidores no respeito, no diálogo e na compreensão da importância do papel da categoria no reconhecimento dos direitos da clientela previdenciária e, por isso, mantém as portas abertas às suas entidades representativas para a construção de uma solução que contemple os interesses de todos.

 

Você pode querer ler também