ATO NACIONAL - 13/08/2019 - 17:17

Professores protestam contra governo Federal

Da redação, AJN1

Os profissionais da educação pública de todo o país paralisaram as atividades nesta terça-feira (13), contra o que a categoria entende como “retrocessos” das políticas do governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL), como a reforma da Previdência, os cortes orçamentários no setor e os ataques à democracia.

Em Sergipe, o movimento é coordenado pelo Sindicato dos Professores de Sergipe (Sintese), com adesão de professores e alunos das redes estaduais, municipais e Universidade Federal (UFS). As Centrais Sindicais (CUT, UGT, CSPCONLUTAS e CTB), a Frente Brasil Popular e a Frente Povo Sem Medo também apoiam o ato.

Por volta das 8h, os manifestantes protestaram na porta do Palácio de Despachos, sede do governo do Estado, com o objetivo de cobrar do governador Belivaldo Chagas a valorização dos servidores. Na ocasião, eles queimaram bonecos do “Judas”, representando os deputados federais que votaram a favor da Reforma da previdência.

Às 14h, o movimento seguiu para a Praça General Valadão, no Centro Comercial de Aracaju, para mostrar à sociedade a insatisfação com o governo. De lá, seguiram para uma grande passeata pelas ruas do Centro.