Sergipe perde João Alves Filho, um grande homem público, que muito contribuiu para o desenvolvimento do estado. Saiba mais

Festival leva circo à Barra e dança ao Tobias Barreto

O III Festival Sergipano de Artes Cênicas chega a sua reta final. Neste sábado (29), apresentações de circo e dança prometem agradar públicos de todas as idades, já que a classificação indicativa dos espetáculos é livre para todas as idades.

A lona e o picadeiro da Cia. Gentileza de Artes Integradas – Cigari chegam à Barra dos Coqueiros às 17h para alegrar a cidade com o ‘O Grande Circo Gentil’. O espetáculo, que já se apresentou na praça Augusto Franco semana passada, integra a programação e traz palhaços acrobatas, malabaristas e equilibristas.

Já o Teatro Tobias Barreto recebe, às 20h, o grupo ‘Um Quê de Negritude’, com espetáculo de dança ‘Ayeye – 10 anos de africanidade na educação sergipana’. Formado por alunos do Colégio Estadual Atheneu Sergipense, o grupo comemora dez anos de história, com projetos voltados para as mais variadas interpretações da cultura africana.

O Festival Sergipano de Artes Cênicas é uma realização do Governo de Sergipe, por meio da Secretaria de Estado da Cultura (Secult). Mais informações pelo site, ou pelo Facebook: Festival Sergipano de Artes Cênicas.

Programação

Sábado (29)

17h – Praça Prisco Viana, Barra dos Coqueiros

O Grande Circo Gentil – Cia Gentileza de Artes Integradas – CIGARI (SE)

 

20h – Teatro Tobias Barreto, Aracaju

Ayeye – 10 anos de africanidade na educação sergipana – Grupo Um quê de negritude (SE)

Fonte: ASN