ARACAJU/SE, 22 de maio de 2024 , 11:47:00

logoajn1

Orsse traz concerto com obras inéditas de Mozart, Mendelssohn e Janacék

Na próxima quinta-feira, 05, às 20h30, a Orquestra Sinfônica de Sergipe (Orsse) vai trazer ao Teatro Tobias Barreto um repertório inteiramente dedicado a compositores que desenvolveram intensa atividade artística na mais tenra idade. Serão abordadas obras da fase juvenil de Mozart, Mendelssohn e Janacék. A regência será do diretor artístico da Orsse, maestro Guilherme Mannis, e os ingressos já estão disponíveis na bilheteria do Teatro Tobias Barreto, a preços populares.

 

Wolfgang Amadeus Mozart (1756-1791) foi um exemplo de prodígio musical. Aos 5 anos iniciou a compor e oferecer concertos em toda a Europa, por intermédio de seu pai, Leopold. De sua série de 41 sinfonias, Wolfgang compôs a sua primeira sinfonia aos 8 anos de idade. A peça a ser apresentada pela Orsse será uma de seus 16 anos, ainda do período de sua cidade de nascimento, Salzburgo.

 

Outro exemplo de prodígio foi Felix Mendelssohn (1809-1847). Alemão de origem hebraica, o compositor escreveu dos 12 aos 14 anos sinfonias para instrumentos de cordas, como exercícios para suas futuras grandes realizações (canções, sinfonias para grande orquestra, obras para corais, pianísticas e organísticas). Nestes trabalhos há intensa relação com o estilo composicional barroco. A Orsse apresentará a sua Sinfonia para cordas nº 2, em três rápidos movimentos.

 

O programa é complementado com a Suíte para cordas do compositor tcheco LeosJanácek (1854-1928). Composta por ele aos 23 anos, demonstra o domínio da escrita de cordas, em um estilo lírico muito próximo às canções tradicionais de seu país.

 

Fonte: Secult

Você pode querer ler também