ARACAJU/SE, 21 de maio de 2024 , 19:19:27

logoajn1

TCE, IFS e Funcefet assinam acordo de cooperação técnica, científica e cultural

Tendo em vista a otimização do desenvolvimento nas diversas áreas de conhecimento e da gestão institucional, o Tribunal de Contas do Estado (TCE/SE), assinou ontem um acordo de cooperação técnica, científica e cultural com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Sergipe (IFS) e a Fundação de Apoio à Educação e ao Desenvolvimento Tecnológico de Sergipe (Funcefet/SE).

 

O ato contou com as participações do conselheiro-presidente do TCE, Carlos Pinna de Assis; o reitor do IFS, professor Ailton Ribeiro de Oliveira; e o diretor executivo da Funcefet/SE, professor Rodrigo Gallotti Lima.

 

Conforme o termo assinado, o objetivo está na promoção de ações conjuntas, através do aproveitamento das potencialidades das instituições cooperantes, dentro do campo de suas respectivas atribuições de especialidades, no aprimoramento do ensino, pesquisa aplicada, extensão e inovação tecnológica nos setores de interesse dos partícipes.

 

“Temos estimulado uma atividade científica cada vez mais presente no dia a dia do Tribunal, sem perder o foco no exercício do controle externo, e este momento certamente será de grande valia; ainda mais por estarmos buscando capacitar nosso pessoal com as qualificações exigidas em todas as vertentes da administração pública”, pontou o presidente do TCE, Carlos Pinna de Assis.

 

No acordo estão definidas as obrigações das instituições participantes. Ao TCE caberá, entre outras ações, disponibilizar espaço físico e pessoal para assistência aos pesquisadores na elaboração de instrumentos específicos, enquanto o IFS designará um professor como coordenador para cada plano de trabalho decorrente da parceria.

 

“Para nós é uma honra assinarmos esta parceria. São instituições que terão muito o que repassar para a sociedade através do seu conhecimento”, afirmou o reitor do IFS, professor Ailton Ribeiro.

 

Já o Funcefet/SE cuidará, por exemplo, dos procedimentos de aquisição de materiais, contratação de prestadores de serviço e afins, utilizando-se do recurso a si disponibilizado e, de preferência, do seu corpo técnico.

 

O acordo prevê a vigência pelo prazo de 12 meses, renováveis por iguais e sucessivos períodos.

Você pode querer ler também