Sergipe perde João Alves Filho, um grande homem público, que muito contribuiu para o desenvolvimento do estado. Saiba mais

Confiança vence e ainda luta para chegar a Série B

 

Da redação, AJN1

Ao vencer o Fortaleza por 2×0, na noite deste domingo (3), na Arena Batistão, em Aracaju, o Confiança garantiu a permanência no Brasileiro da Série C. O resultado ainda manteve a equipe proletária na luta por uma das vagas no G-4  e disputar o acesso a Série B. Para tanto, o Confiança precisa vencer o confronto contra o ASA.

O Confiança começou a partida pressionando o Fortaleza e quase abriu o placar aos cinco minutos. Radar fez cruzamento na área e Everton cabeceou pela linha de fundo. A bola passou raspando a trave de Marcelo Boeck. Os jogadores tricolores mostravam nervosismo e não conseguiam criar oportunidades.

Aos 20, Adalberto tirou a bola com o peito e quase marcou gol contra. Marcelo Boeck estava atento e fez a defesa. Na sequência, Anderson aproveitou sobra após falta cobrada por Diogo e soltou a bomba, mas Aldo salvou em cima da linha. De tanto pressionar, o Confiança abriu o placar aos 35 minutos.

Radar cruzou e Everton apareceu entre os zagueiros para cabecear com força, fazendo a festa dos quase 15 mil torcedores presentes no estádio. O Dragão só não ampliou na sequência porque Boeck fez grande defesa. Na melhor oportunidade do Fortaleza, Aldo recebeu lançamento dentro da área, mas não conseguiu fazer o domínio.

Aos 45 minutos, os jogadores do Fortaleza reclamaram bastante de um pênalti não marcado pelo árbitro, o que acabou gerando discussão entre integrantes dos bancos de reservas dos dois times. Os tricolores deixaram o campo sem falar com a imprensa.

Segunda etapa

O Fortaleza voltou do intervalo com uma postura mais ofensiva, procurando reverter o placar. Mas tudo foi por água abaixo logo aos quatro minutos. A defesa tricolor saiu jogando errado, Gilsinho lançou a bola e Tito bateu rasteiro no cantinho de Boeck. Insatisfeito, o técnico Antônio Carlos Zago colocou o time para frente: entraram Ronny e Paulo Sérgio nos lugares de Jefferson e Rodrigo Mancha, respectivamente.

Quase que o Fortaleza diminui aos 15 minutos, mas Gabriel impediu o gol de Paulo Sérgio. Na sequência, Felipe Cordeiro cruzou rasteiro, a bola desviou no meio do caminho e acertou a trave. O rebote sobrou para Gilsinho, que escorregou e mesmo assim conseguiu a finalização. Marcelo Boeck fez linda defesa.

Aos 23, Diogo quase surpreendeu Boeck em falta cobrada direto, mas o goleiro conseguiu desviar com as pontas dos dedos. A bola ainda tocou no travessão antes de sair. O Confiança levava muito perigo no contra-ataque. Tito quase marcou em chute cruzado para fora. Léo Ceará assustou em finalização de fora da área.

A vitória contra o Fortaleza, que foi a terceira seguida, colocou a equipe proletária com os mesmos 22 pontos do Remo e Cuiabá. Na última rodada, que acontece no próximo sábado (9), o Confiança vai até Arapiraca (AL) enfrentar o já rebaixado ASA . Além de vencer o ASA, a equipe sergipana precisa torcer por uma combinação de resultados, a começar com a partida que fecha a 17ª rodada entre Salgueiro e CSA, que acontece hoje (4), no estádio Rei Pelé em Maceió (AL).

*Com informações da Ascom FSF