REAÇÃO NEGATIVA - 25/03/2020 - 09:51

Parlamentares sergipanos reagem ao pronunciamento de Bolsonaro

Fotos: Reprodução Redes Sociais

Da redação, AJN1

Parlamentares sergipanos reagiram à fala do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em cadeia nacional de Rádio e TV na noite de ontem (25), em que minimizou os efeitos do coronavírus pedindo o fim do confinamento em massa e fez críticas à imprensa.

O senador Alessandro Vieira (CIDADANIA) postou em um microblog “Estamos enfrentando a maior crise dos últimos anos. O mundo inteiro reconhece isso e adota providências. Só uma pequena bolha prefere permanecer alheia à realidade. Infelizmente, é lá que vive o presidente @jairbolsonaro. Até o ídolo Trump entendeu, mas o Jair não. Lamentável”.

Já o senador Rogério Carvalho (PT/SE) divulgou em rede social “Em mais um pronunciamento irresponsável, Bolsonaro volta negar a gravidade da Pandemia do #coronavírus. Nega a ciência, nega recomendações da OMS. GRAVÍSSIMA fala que deixa uma Nação em ALERTA!”.

Outro a parlamentar a se pronunciar foi o deputado federal Gustinho Ribeiro (SD). “Precisamos de união, para atravessar essa tempestade. Radicalizar e arriscar-se em aventuras em meio a pandemia pode ser muito perigoso e custará milhares de vidas”. Em outro post o deputado publicou: “É como se jogássemos fora tudo que fizemos até aqui no combate ao coronavírus. Este não é o momento para politizarmos um tema como esse. As vidas das pessoas estão em risco. Então vamos lá, permaneçam em suas casas, sigam as recomendações de higiene e vamos nos unir nesta luta.”

Gustinho Ribeiro ainda publicou: “Precisamos de união, para atravessar essa tempestade. Radicalizar, e arriscar-se em aventuras em meio a uma pandemia pode ser muito perigoso e custará milhares de vidas”.

O deputado federal Fábio Henrique reagiu ao pronunciamento fazendo um questionamento em sua rede social. “Fica uma pergunta no ar, devemos acreditar no Ministro Mandetta e no mundo que pedem para ficarmos em casa, ou no @jairbolsonaro que diz na TV para voltarmos ao trabalho, aulas nas escolas etc. com a palavra o Ministro Luís Henrique Mandetta”.

O deputado federal Fábio Mitidieri (PSD) também reagiu através das redes sociais. “Lamentável o pronunciamento do presidente. O Min. da saúde foi desmoralizado em rede nacional. Enquanto ele pede para ficarmos em quarentena, o PR reafirma que é apenas uma gripezinha, que devemos retornar a vida normal e que tudo é histeria da imprensa!”.

Em outra postagem o parlamentar diz: “Estamos falando de vidas humanas, de saúde pública, de empregos, de economia, de recessão profunda… Se o Ministro mentiu, deveria ser exonerado. Senão, deveria pedir pra sair pois foi desmoralizado em rede nacional e o PR deverá responder por seus atos”.