ARACAJU/SE, 19 de maio de 2024 , 1:14:05

logoajn1

Deplan registra dois casos de roubo e um de violência doméstica nesta quarta-feira, 23

Por AJN1

 

A Delegacia Plantonista de Aracaju (Deplan) recebeu dois casos de roubo e um de violência doméstica nesta quarta-feira,23. No bairro Rosa Elze, 5 pessoas tiveram celulares roubados dentro de um ônibus da linha 050, quando o veículo trafegava nas proximidades da Universidade Federal de Sergipe (UFS).

 

De acordo com uma das vítimas, dois indivíduos, sendo que um portava uma arma branca, uma faca ‘peixeira’, e o outro segurava algo na bermuda, provavelmente um revólver, ordenaram que ele e os demais passageiros entregassem os aparelhos.  Uma equipe da Rádio Patrulha realizava rondas pela região onde ocorreu o crime e após ser acionada, abordou e prendeu um dos suspeitos e apreendeu o outro, já que se trata de um menor de idade. Com eles foram encontrados os celulares e um simulacro de arma de fogo, em posse do menor.

 

No início da noite de ontem (23), um homem foi assaltado quando estava em frente ao local onde trabalha, na rua Nestor Sampaio, bairro Luzia. O fato ocorreu por volta das 18:30 horas, quando um veículo Ford KA de cor preta parou e dele desceram dois indivíduos armados, sendo que um terceiro permaneceu na direção do veículo.

 

Eles levaram o celular da vítima e em seguida fugiram em alta velocidade. Uma equipe da Guarda Municipal foi notificada do crime e perseguiu os criminosos. Na Avenida Francisco Porto os guardas interceptaram o grupo e recuperam o aparelho subtraído. Os autores do crime e o veículo utilizado na ação foram levados até a Deplan.

 

Lá os policias descobriram que o trio tinha praticado um assalto em um estabelecimento comercial no bairro Lamarão e mais dois roubos a transeuntes, um na rua do Acre, bairro Siqueira Campos, e outro também no bairro Luzia.

 

Violência Doméstica

 

No Centro de Aracaju, uma jovem foi agredida pelo namorado na noite de ontem (23), por volta das 20h. A vítima relatou aos policiais que estava em casa, onde mora com uma amiga, quando o acusado, com quem tem um relacionamento há quatro meses, apareceu invadindo a residência e desferiu um tapa em seu rosto. Ela diz que também foi agarrada pelos braços e jogada contra a parede. A amiga e outro amigo intervieram e impediram que as agressões prosseguissem.

 

A jovem, que está grávida de três meses do agressor, procurou a polícia apresentando arranhões nos braços e dor na cabeça. Segundo ela, vários objetos da residência foram quebrados pelo namorado, que estava descontrolado. Na Deplan, o acusado foi autuado em flagrante por lesão corporal, dano e violência doméstica.

 

 

 

Você pode querer ler também