ARACAJU/SE, 19 de abril de 2024 , 5:51:27

logoajn1

Polícia age rápido e prende seis envolvidos no latrocínio de comerciante

Da redação, AJN1

 

Equipes das polícias Civil e Militar de Itabaiana agiram rápido e conseguiram prender os seis envolvidos, três deles adolescentes, no latrocínio que vitimou o comerciante Arnaldo de Oliveira, o “Arnaldo da Bateria, 54. O crime aconteceu no início da noite desta sexta-feira (1º) em Itabaiana e os acusados foram presos em Areia Branca. Com o grupo os policiais recuperaram o Celta, prata, de placas JPL-7314/SE roubado da vítima e apreenderam um revólver calibre 32 e um veículo Gol de cor branca, utilizados no latrocínio.

 

De acordo com o coordenador da Delegacia Regional de Itabaiana, delegado Marcos Garcia, o comerciante residia na rua José Francisco de Oliveira e abordado no momento em que tentava colocar o Celta na garagem. Três homens, um deles armado, que chegaram ao local em um veículo Gol de cor branca, juntamente com outros três comparsas, renderam o comerciante, determinando que entregasse dinheiro e as chaves do carro. Ele teria reagido e acabou alvejado com um tiro na altura do tórax. Os assaltantes fugiram levando o Celta, enquanto o comerciante foi socorrido e encaminhado para o Hospital Pedro Garcia Moreno, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.

 

A polícia foi acionada e equipes do Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) de Itabaiana e da 4ª Companhia o 3º Batalhão da Polícia MIlitar (BPM) passaram a realizar buscas na região. Uma denúncia anônima indicando que o Celta roubado teria sido visto na BR-235 nas imediações de Areia Branca, levou os levou os policiais até o município. Durante as diligências foram abordados três homens, que estavam em situação suspeita em um Gol de cor branca. Ao ser interrogado, o trio acabou confessando envolvimento no latrocínio e indicou onde os comparsas e o Celta estavam escondidos.

 

Com um dos presos, identificado como sendo Luiz Fernando Silva Pereira, o "Nando", 21, foi apreendido um revólver calibre 32. Ele confessou ter sido o autor do disparo que vitimou o comerciante. Os acusados foram encaminhados até a Delegacia Regional de Itabaiana, onde foram autuados em flagrante. Em seus depoimentos, eles alegaram que o comerciante foi escolhido de forma aleatória e que já saíram de Areia Branca para Itabaiana com a intenção de praticar assaltos.

Você pode querer ler também