ARACAJU/SE, 18 de maio de 2024 , 4:34:05

logoajn1

Polícia prende mandante do latrocínio que vitimou ex-vereador de Indiaroba

Uma operação conjunta entre as polícias Militar e Civil de Sergipe culminou na identificação e prisão de Genival Conceição Santos, 47 anos, apontado como o articulador do crime de latrocínio (roubo seguido de morte) praticado na última segunda-feira, 19, contra o ex-vereador do município de Indiaroba, Adelvan Vieira, encontrado amarrado e morto dentro do porta mala de seu veículo. Este seria o terceiro envolvido na ação delituosa, que acabou detido no final da tarde dessa quinta-feira, 22, no povoado Porto do Mato, em Estância, no interior do estabelecimento comercial de propriedade da vítima.

 

Após levantamos do serviço de inteligência do Grupo de Ações Táticas do Interior (GATI) da Polícia Militar, a polícia desvendou que o crime fora articulado pelo pescador Genival Conceição Santos, apelidado Genival do Caranguejo, conhecido da família da vítima. De imediato, uma operação foi deflagrada por militares do GATI e policiais civis coordenados pelo delegado Hugo Leonardo, da Delegacia de Indiaroba, que seguiram ao frigorífico e efetuaram a prisão em flagrante.

 

Como havia um relacionamento estreito com a família do ex-vereador, o pescador tinha conhecimento dos negócios de Adelvan e premeditou o crime, na intenção de roubar o dinheiro da vítima. “O preso Valdeir de Oliveira Conceição, que confirmou ter efetuado os últimos disparos contra o ex-vereador, informou que o crime fora encomendado por um ‘coroa’ que tinha conhecimento dos lucros do frigorífico de Adelvan, no povoado Porto do Mato, e propôs o roubo ao estabelecimento para posterior partilha do dinheiro subtraído. A partir de fotografias de pessoas ligadas à família, chegamos ao reconhecimento de Genival”, informou um membro do grupo de inteligência do GATI.

 

Valdeir de Oliveira Conceição e o ex-presidiário Bruno Baiano, morto em confronto com a polícia, chegaram ao estabelecimento comercial na manhã da segunda-feira, 19, em um ciclomotor de marca Shineray, renderam o ex-vereador, amarraram-no e o colocaram no porta mala de seu veículo, um VW Gol de cor prata. Seguiram a uma agência bancária, porém não obtiveram sucesso no saque, o que pode ter motivado o assassinato da vítima, na região da rua da Palha, no município de Santa Luzia do Itanhy. Populares acionaram a polícia após desconfiarem de disparos de arma de fogo no interior do referido automóvel, que estava parado às margens da rodovia que liga os municípios de Estância e Santa Luzia.

 

Uma guarnição do 6º Batalhão, comandada pelo tenente Eraldo, saiu em diligências e localizou a dupla ainda dentro do carro. Ao notar a presença dos militares, os indivíduos aceleraram e foi iniciada uma perseguição. Adiante, os acusados perderam o controle e colidiram o veículo em uma árvore, fugindo a pé por um manguezal. Com o apoio de uma equipe do Grupamento Tático Aéreo (GTA) e a partir de depoimentos de testemunhas, os indivíduos foram localizados em uma residência localizada no conjunto Albano Franco, no município de Estância. Na ocasião, o suspeito Valdeir entregou-se sem resistência. O comparsa, porém, disparou contra as guarnições e acabou sucumbindo no confronto com a polícia.

 

Genival Conceição Santos foi preso por volta das 17h30 dessa quinta-feira, 22, e conduzido à Delegacia Regional de Indiaroba pela equipe Carcará 22, do Grupo de Ações Táticas do Interior. O caso ficará sob os cuidados do delegado Hugo Leonardo.

 

Fonte: PM/SE

Você pode querer ler também