ARACAJU/SE, 23 de maio de 2024 , 9:52:32

logoajn1

Policial Civil é assassinado dentro de delegacia em Itabaiana

O policial civil Luís Carlos do Santos,49, foi assassinado com dois tiros dentro da Delegacia Plantonista de Itabaiana no início da manhã desta segunda-feira,1°. O autor dos disparos teria ido a delegacia para resgatar um suposto irmão, o ex-presidiário Alisson Eric de Araújo, que foi preso nesta madrugada por ter assassinado o jovem Diego Pereira, no Forródromo de Areia Branca. O jovem teria paquerado a mulher do ex-presidiário.

 

Assim que o policial negou a soltura de Alisson, recebeu dois tiros, um no abdômen e outro no ombro. O policial morreu na delegacia.

 

Fuga

 

Após o crime na delegacia de Itabaiana, o assassino do policial fugiu num veículo de passeio, sendo seguido pela polícia. Depois abandonou o veículo na BR 235 e roubou uma motocicleta. Houve confronto com a policia e o criminoso foi morto.

 

O vice- presidente do Sindicadto dos Policiais Civis do Estado de Sergipe (Sinpol) , José Luís, lamentou a morte do colega e apontou o baixo efetivo como umas das principais causas da insegurança enfrentada pela Polícia.

 

“É muito triste, a família da Policia Civil está transtornada. É uma ousadia um elemento adentrar uma delegacia e matar um policial, diga-se de passagem, desprotegido. É preciso convocar os aprovados no último concurso com urgência. É inadmissível chegar nas delegacias e não ter efetivo, o quadro da Policia Civil está defasado, é preciso convocar agentes e escrivães”.

 

A Secretária de Segurança Pública ( SSP) divulgou a seguinte nota sobre o ocorrido: 

 

"A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) lamenta o falecimento do servidor Luiz Carlos dos Santos, 49 anos, morto na madrugada desta segunda-feira, 1º, na cidade de Itabaiana. Luiz Carlos foi um profissional que honrava e dignificava o serviço público em função da seriedade com que exercia suas atividades.A SSP se solidariza com os familiares do servidor neste momento de imensa dor e sofrimento."

 

Você pode querer ler também