ARACAJU/SE, 29 de fevereiro de 2024 , 15:00:08

logoajn1

Após união com PSL, DEM gaúcho lança movimento interno ‘dissidente’

 

Prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e representantes de diretórios municipais do Democratas do Rio Grande do Sul realizaram um encontro no Ritter Hotel, em Porto Alegre, para discutir o futuro da sigla, que na quarta-feira (6) formalizou a fusão com o PSL, criando o União Brasil.

Segundo o Gaúcha ZH, os 150 participantes de 52 municípios do Rio Grande do Sul criaram o movimento Frente Liberal, que chamou de “espécie de ressureição do PFL (Partido da Frente Liberal, antigo nome do Democratas)”. O assunto da dissidência foi tema da Coluna Cláudio Humberto desta quinta-feira (7).

O manifesto assinado no encontro lista de compromissos do movimento: liberdade econômica, liberdade de expressão, liberdade e respeito à prática religiosa, direito à propriedade, direito à legítima defesa, transparência nos atos da administração pública, incentivo ao desenvolvimento econômico e ao empreendedorismo, fortalecimento do agronegócio e respeito à família.

Voto vencido na decisão da Executiva Nacional do DEM de se unir ao PFL, o ministro Onyx Lorenzoni (Trabalho) falou na reunião por vídeo conferência.

Fonte: Diário do Poder

Você pode querer ler também