ARACAJU/SE, 22 de julho de 2024 , 13:49:34

logoajn1

Deputada Ana Lúcia defende magistério público de ataques do Governo

 

 

 

No primeiro dia da greve dos educadores da rede estadual de Sergipe, iniciada na segunda-feira, 18, a deputada estadual Ana Lúcia (PT) usou a tribuna para apresentar uma profunda avaliação da qualidade da educação da rede estadual e a situação dos professores da rede. Militantes do Sintese lotaram as galerias da Assembleia Legislativa de Sergipe para acompanhar o pronunciamento. Um dos aspectos abordados por Ana Lúcia foi a tentativa do secretário de Estado da Educação, Jorge Carvalho, de vender para a sociedade uma solução “milagrosa” para a educação: entregar a rede estadual para os municípios. 

 

Jorge Carvalho vem propondo publicamente transferir a matrícula de 167 mil alunos da rede estadual – sendo mais de 100 mil do ensino fundamental – para as redes municipais que tiverem interesse. Em contrapartida para os municípios, ele promete repassar 14% do ICMS para esta política de municipalização do Ensino Fundamental. 

 

A meta é transferir 40% da matrícula da rede estadual para as redes municipais até o final do governo Jackson. Ana Lúcia explica que o secretário tenta culpar a baixa qualidade da educação pública em Sergipe a uma suposta incompetência dos professores e professoras da rede. “O secretário de Estado da Educação vem construindo um discurso visando desqualificar o professor para jogar a população contra a categoria”, lamentou.

Você pode querer ler também