ARACAJU/SE, 24 de abril de 2024 , 19:22:08

logoajn1

João Alves desiste de concorrer a reeleição

Em reunião que contou com a presença de vereadores e presidentes nove de partido da base aliada, o prefeito de Aracaju, João Alves Filho (DEM) anunciou que não será candidato a reeleição. Problemas de saúde relacionados ao estresse e o áudio vazado com declarações do vice-prefeito estariam entre os motivos da desistência. O encontro aconteceu na noite desta quinta-feira (4) na sede do Democratas no bairro 13 de Julho, e embora estivesse sendo especulado há vários dias que João Alves não lançaria candidatura, a decisão do prefeito causou surpresa.

 

A desistência da pré-candidatura de João Alves ocorre depois que um áudio com declarações do vice-prefeito José Carlos Machado (PSDB), no qual faz referência a secretários e ao prefeito, viralizou nas redes sociais e grupos de Whatsapp. Ao anunciar que não colocaria o nome a disposição para concorrer a reeleição, o prefeito disse que a campanha este ano será mais curta e perderia muito tempo tentando explicar as declarações de Machado.

 

No trecho da conversa que foi divulgada, sem autorização, Machado reclama da postura dos secretários, a quem acusa de trabalhar contra ele e só pensar em roubar. Além disso, cita o prefeito, alegando que ele não demonstra preocupação com a situação. Ao se referir as declarações do vice-prefeito, João Alves as considerou como absurdas.

 

José Carlos Machado não participou da reunião e foi representado por Roberto Góes. Vereadores e pré-candidatos a vereador que estiveram na sede do DEM deixaram o local visivelmente irritados e sem dar declarações à imprensa.

Você pode querer ler também