João Alves testa positivo para covid e estado de saúde segue grave

Da redação, AJN1

Internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Sírio Libanês, em Brasília (DF), desde a quarta-feira (18), quando sofreu uma parada cardíaca, o ex-governador de Sergipe e ex-prefeito de Aracaju João Alves Filho, 79, testou positivo para o novo coronavírus e foi transferido neste sábado (21) para ala Covid. Segundo familiares, o estado de saúde do ex-governador é grave, ele está sedado e não está respondendo aos medicamentos.

De acordo com a Assessoria de Comunicação da senadora, a hipótese mais provável é que João Alves já tenha dado entrada no hospital com os sintomas da doença, embora a internação tenha sido motivada por uma parada cardíaca, sofrida na quarta-feira (18), no apartamento do casal. “O ex-governador foi testado para covid em função da infecção pulmonar que apresentou no momento da internação e que se mostrou resistente à medicação prescrita. A família agradece as homenagens e orações recebidas e permanece em oração.”, diz um trecho da nota divulgado pela Ascom.

Com diagnóstico de Alzheimer, doença neurodegenerativa, João Alves está morando na capital federal na companhia da esposa, a senadora Maria do Carmo. Devido à saúde debilitada, ele vinha sendo mantido em home care (assistência médica domiciliar).

No ano passado, o ex-governador chegou a ser hospitalizado por duas vezes. A primeira delas em maio, depois de cair no banheiro e sofrer um corte na cabeça. A outra ocorreu em julho por conta de complicações decorrentes do Alzheimer, quando precisou ser submetido a uma traqueostomia e gastrostomia.

João Alves é engenheiro civil e por três vezes foi governador de Sergipe (1983/1987, 1991/1994 e 2003/2006). Além disso foi ministro do Interior (1987/1990) e prefeito de Aracaju por dois mandatos (1974/1977, e 2013/2016).