Sergipe perde João Alves Filho, um grande homem público, que muito contribuiu para o desenvolvimento do estado. Saiba mais

Jucá convida André Moura para comandar PMDB-SE e disputar vaga majoritária em 2018

 

 Da redação, AJN1

As falácias cultivadas ao vento nos corredores políticos parecem se confirmar. Há meses, cogitou-se a possibilidade do deputado federal André Moura (PSC) assumir o comando do PMDB em Sergipe e disputar o governo nas eleições de 2018. Hoje, esse cenário parece mais próximo da realidade.

Isso porque o presidente nacional do PMDB, senador Romero Jucá, anunciou recentemente que convidou André para se filiar ao partido e, por conseguinte, comandar a sigla, sendo o principal nome para disputar uma vaga na chapa majoritária que ainda está em formação. Para Jucá, o parlamentar sergipano ajudará a fortalecer a sigla.

“O PMDB está trabalhando em todo o Brasil para se fortalecer e disputarmos as eleições presidenciais de 2022. Portanto, 2018 é um ano fundamental para transformarmos o partido em força política. Em Sergipe, também não vai ser diferente. Convidei o deputado André Moura, que tem um trabalho atuante por Sergipe e aqui também em Brasília. Ele preenche todas as condições de disputar uma candidatura majoritária com sinais claros de vitória.”

Jucá foi ainda mais categórico ao afirmar que o comando do PMDB em Sergipe precisa somar com o governo de Michel Temer, um claro recado para o governador Jackson Barreto, que vem se posicionando contrário às condutas do presidente.

André já havia confirmado sondagens dos peemedebistas, mas se esquiva do suposto acerto. “Convites para mudar de partido são comuns em Brasília”, disse.

Leia também:

André Moura admite convite para se filiar ao PMDB

Jackson não comunga da possibilidade de André no PMDB

André Moura pode trocar PSC pelo PMDB para disputar Senado em 2018