ARACAJU/SE, 19 de maio de 2024 , 2:43:46

logoajn1

Katia Santana destaca na Coluna Café com Política o buraco nas contas do Estado

Os números do próprio Estado mostram que desde 2011, Sergipe vem descumprindo a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Naquele momento, ela já ultrapassava em 0,21% o limite prudencial, estimado em 46,55%. Ano a ano esse buraco vem se alargando e hoje, para voltar ao limite, segundo o relatório da Secretaria da Fazenda, relativo ao último quadrimestre, o Governo precisaria de R$ 85,742 milhões, considerando que nesse período a LRF foi extrapolada em 1,42%. Apesar dessas constatações, isso não justifica o caos que se instalou, onde se vê servidor sem reajuste, salários parcelados, etc. e tal. Prova disso é que o Fundo de Participação dos Estados (FPE), em junho, registrou uma alta de 20%, num comparativo com junho de 2014. Já em julho, comparando-se 2014 com 2015, observou-se um aumento de 4%. Observa-se, assim, um cenário negativo, mas ainda com uma boa expectativa.

 

 

Sepulcral – Na Assembleia Legislativa, trate-se sobre tudo, menos sobre as mal falada subvenções. Quando procurados pela imprensa, alguns deputados limitam-se a informar que os seus posicionamentos já foram revelados em notas públicas. Outros, sem resposta, fogem dos jornalistas como o diabo foge da cruz.

Espaços – No próximo dia 17, o plenário da Assembleia Legislativa de Sergipe servirá de cenário para o lançamento da campanha “Mais Mulher na Política: a Reforma que o Brasil precisa”. O movimento é nacional e, em Sergipe, a senadora Maria do Carmo Alves (DEM) é quem está coordenando as atividades. O evento acontece a partir das 9 horas.    

 

 

Articulando – Setembro nem chegou, ainda, mas os bastidores políticos sergipanos já fervilham por conta das eleições do ano que vem. É liderança trocando de partido, mudando domicílio e um bocado de outras buscando apoio aqui e acolá em nome de pretensas candidaturas.

 

 

Tour – O secretário estadual de Turismo, Adilson Júnior está em Brasília. Ontem, passou o dia em audiências no Ministério do Esporte cadastrando os projetos da Reforma do Constâncio Vieira e da climatização do centro de treinamento de ginástica, que fica anexo ao Baptistão. As obras estão orçadas em aproximados R$ 1,5 milhão.

 

 

Pier – Hoje, Adilson Júnior tem compromisso no Ministério do Turismo, também, para cadastrar projeto. Desta vez, da obra do “Largo da gente sergipana”, um píer, suspenso com estacas, que será construído no Rio Sergipe, na direção do Museu da Gente. O espaço terá esculturas de oito metros e promete ser um atrativo turístico a mais.

Você pode querer ler também