ARACAJU/SE, 22 de abril de 2024 , 16:30:02

logoajn1

Taxa de desemprego preocupa Maria do Carmo

A secretaria da Família e da Ação Social de Aracaju, senadora licenciada Maria do Carmo Alves, considerou estarrecedores e preocupantes os dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) que apontam o fechamento, no mês de junho, de 91 mil vagas de empregos formais no país.

 

“São dados estarrecedores e muito preocupantes porque o mercado tem se afunilado e esses trabalhadores entram para as tristes estatísticas do desemprego. É uma situação cruel que golpeia as famílias de todas as classes sociais”, lamentou Maria do Carmo, acrescentando que existe a necessidade de se implementar políticas públicas que garantam a capacitação do cidadão de modo a facilitar a reinserção no mercado de trabalho.

 

Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (27) pelo Ministério do Trabalho. Os números, segundo o Caged, mantêm a tendência de mais demissões que contratações no mercado de trabalho. De acordo Maria do Carmo, nove entre dez pessoas que a procuram, diariamente, pedem emprego para si ou para um parente. “É uma situação difícil, pois percebemos que as pessoas querem uma oportunidade de emprego, mas infelizmente não podemos ajuda-las”, destacou.

 

“É triste a situação e, infelizmente, o Governo do PT passou os últimos anos com programas enganadores e que fizeram o país viver um retrocesso, fechar postos de trabalho e gerar uma crise sem precedente”, afirmou Maria do Carmo. Para ela a crise se potencializou na gestão da presidente afastada, Dilma Rousseff, “provocando uma catástrofe econômica, resultando no fechamento de empresas consolidadas e deixando o país à beira da falência”.

 

* Com informações da Assessoria

Você pode querer ler também