ARACAJU/SE, 3 de março de 2024 , 20:10:22

logoajn1

Governo está há 3 meses sem repassar verba a Hospital de Caridade de Riachuelo

Da redação, AJN1

A Associação Beneficente Hospital de Caridade de Riachuelo está há três meses sem receber repasses financeiros do governo do Estado. É o que denuncia o vereador licenciado da cidade, Marcondes Hipólito, atual secretário da Juventude, Esporte, Lazer e Turismo do Município.

Segundo ele, já não há médicos de plantão na unidade de saúde, justamente em um momento em que os moradores mais precisam, em virtude das consequências da enchente que devastou diversos pontos da cidade há duas semanas.

 “Segundo informações dos próprios funcionários, a Secretaria Estadual da Saúde está há três meses sem fazer o repasse. Até a última segunda, 22, às 18h, esse pagamento não havia sido feito. Essa é uma situação preocupante, porque, em virtude das enchentes, algumas doenças começam a aparecer agora, e sem o hospital, a população fica desassistida”, afirma o parlamentar.

O vereador disse que a Prefeitura montou uma ação especial com as equipes do programa Saúde da Família, que assistem a população urbana e rural, mas alguns atendimentos necessitam de idas ao hospital.

“Graças a Deus, até agora, os funcionários não falam em paralisar as
atividades, até porque são profissionais abnegados e têm amor pelo que fazem, mas com esse período longo de atraso, não sabemos até quando eles irão permanecer com o atendimento à população, não só de Riachuelo, mas de Santa Rosa, Divina Pastora e Laranjeiras”, afirmou Marcondes Hipólito.

O que diz o Governo                                                      

Em nota enviada ao AJN1, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) confirma que há atrasos, e informa que já renovou o contrato para prestação de serviços de urgência e clínica médica com a Associação Beneficente Hospital de Caridade de Riachuelo.

“O contrato terá vigência de um ano a partir de primeiro de julho de 2019.
Em relação aos pagamentos em atraso, no total de três parcelas, a SES informa que eles serão efetuados na modalidade de pagamento por processo indenizatório e já estão em encaminhamento para liquidação. Até a próxima sexta-feira, dia 26, todas as parcelas estarão pagas”.

Você pode querer ler também