ARACAJU/SE, 25 de fevereiro de 2024 , 4:35:57

logoajn1

Petrobras avalia potencial da bacia de gás entre SE e AL

Da redação, AJN1

Não é novidade que a Petrobras descobriu, nos últimos anos, um valioso reservatório de gás natural localizado em alto mar, na Bacia Sergipe-Alagoas, onde é executado um Plano de Avaliação dessas áreas com o objetivo de descobrir o potencial produtivo das acumulações, inclusive de petróleo.

Dos seis campos em águas profundas na bacia de Sergipe (Cumbe, Barra, Farfan, Muriú, Moita Bonita e Poço Verde), a Petrobras espera extrair 20 milhões de m³ por dia de gás natural, o equivalente a um terço da produção total brasileira.

Conforme a Petrobras, o Plano de Negócios e Gestão para os próximos cinco anos já contempla o orçamento para a instalação de um sistema de produção, “estando os estudos sobre esse projeto em sua fase inicial”.

Ainda está previsto para esse ano um teste de longa duração na área de Farfan, com o objetivo de obter informações que subsidiarão os estudos para uma melhor caracterização da rocha-reservatório e dos fluidos desta área.

Especialistas dizem que a bacia é a maior descoberta da Petrobras desde o pré-sal, em 2006, podendo gerar receita de R$7 bilhões.

Divisor de águas

O governador de Sergipe, Belivaldo Chagas, disse que a bacia será um divisor de águas no desenvolvimento do estado.

“Sergipe se tornará a estrela do gás no Brasil. Significa dizer que seremos um dos maiores produtores de gás desse país. Com certeza, nós teremos, nessa cadeia produtiva, vários empreendimentos que virão a Sergipe. Será realmente um divisor de águas. Acho que o Estado acertou quando buscou construir a Termelétrica, que já vai ser inaugurada em janeiro de 2020. E com essa descoberta de gás, a partir do Pré-Sal, desponta como um grande produtor. Nós teremos um terço do gás natural produzido no país. Isso nós dá uma posição de destaque e de garantia que no futuro próximo, nós teremos condições de investir, já que isso gerará arrecadação de impostos e mais crescimento para o estado”, celebrou o governado.

Belivaldo acredita que a expectativa é de que, em pouco tempo, deva sair de Sergipe o gás mais barato do Brasil. O governo federal espera baratear o preço do gás, pelo aumento da produção, que ajudará na redução dos custos.

Você pode querer ler também