ARACAJU/SE, 26 de fevereiro de 2024 , 21:09:43

logoajn1

Vacina da dengue já está na última etapa de testes

Preocupado com o cenário epidemiológica da dengue neste ano, que teve aumento de 599,5% em comparação com 2018, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, informou que a vacina da dengue, produzida pelo Insituto Butantan, já está na última fase de testes. A previsão é que esta etapa seja finalizada em 2020. A vacina, de dose única, vai proteger contra os quatro sorotipos da dengue e está na terceira fase de desenvolvimento de testes em humanos.

“Estamos muito esperançosos com a vacina e esperamos que ela possa chegar no ano que vem. Até lá, vamos passar um verão muito duro, com muita dificuldade por conta da reintrodução do sorotipo 2 de dengue que tem encontrado, desde 2018, muitas pessoas suscetíveis à doença”, ressaltou o ministro da Saúde, durante o 7º Congresso Brasileiro Médico, Jurídico e da Saúde, em Vitória (ES), nesta segunda-feira (16).

Ao final da terceira fase de produção do imunobiológico, o Instituto Butantan precisa comprovar a eficácia por meio de estudo que deverá trazer os dados de segurança e índices finais de proteção da vacina. Após esse processo, será solicitado o registro da vacina na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) para que possa ser incorporada ao Sistema Único de Saúde (SUS) e ofertada gratuitamente pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI). Não é só a parte clínica que é levada em consideração, mas os dados de produção, de controle de qualidade e tudo o que foi feito durante o processo.

Dados epidemiológicos

Em 2019 (até 24 de agosto), foram registrados 1.439.471 de casos de dengue em todo o país, com crescimento de 599,5% em relação ao mesmo período de 2018 (205.791).

Em Sergipe, conforme o boletim epidemiológico divulgado no último dia 4 de setembro, são 7.674 notificações, com 3.153 casos confirmados e 12 óbitos. Ainda segundo o boletim, 74 municípios registraram notificações de dengue, com confirmação em 67 deles, o que corresponde a 91,6%.

Com informações do MS.

Você pode querer ler também