LIBERDADE - 10/06/2019 - 15:12

TJ-SE determina soltura de Valmir Monteiro

Foto: Divulgação

Na manhã desta segunda-feira (10), o Tribunal de Justiça de Sergipe (TJ-SE) determinou a soltura do prefeito afastado do município de Lagarto, Valmir Monteiro, que estava no presídio militar, em Aracaju, desde o dia 22 de fevereiro, suspeito de participar de um esquema de desvios de verbas públicas.

De acordo com a decisão do desembargador Diógenes Barreto, ao sair da prisão, Valmir deve se comprometer a comparecer uma vez por mês à Câmara Criminal do Tribunal de Justiça de Sergipe e, até o quinto dia de cada mês, informar o endereço e justificar as suas atividades laborais.

Ainda conforme o desembargador, Valmir deve permanecer em casa todas as noites e está proibido de frequentar prédios públicos municipais.

Entenda

Valmir Monteiro, o genro – que também foi preso e já está em liberdade – e os sócios da empresa JLM, Joel do Nascimento Cruz e Gildo Pinto dos Santos, são alvos da operação “Leak” deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e do Departamento de Crimes Contra a Ordem Tributária e Administração Pública (Deotap) do Ministério Público do Estado (MPE).

A operação visa desmantelar um suposto esquema de desvios de verbas públicas do matadouro do município, além de lavagem dinheiro.