ARACAJU/SE, 18 de junho de 2024 , 2:07:50

logoajn1

FPI/SE interdita duas queijarias em Amparo do São Francisco

Da redação, AJN1

Equipes da Fiscalização Preventiva Integrada da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (FPI do São Francisco) interditou duas queijarias sem condições mínimas de higiene em Amparo do São Francisco, município localizado a 120 km da capital sergipana. No momento da fiscalização, não havia nos locais qualquer derivado de leite.

Na primeira queijaria, localizada na divisa dos municípios de Amparo e Canhoba, a equipe verificou que os dejetos da produção do queijo eram direcionadas para o chiqueiro. Do local, os restos do leite e as fezes dos animais são lançadas diretamente na Lagoa Salgada, que segue para um afluente do São Francisco.

Na segunda queijaria, a equipe constatou péssimas condições de higiene, com pocilgas próximas ao local. “O local está totalmente fora das normas”, explicou a coordenadora da equipe Salete Dezen.

Por não ter licenciamento ambiental para a atividade, as duas queijarias foram autuadas pela Adema. Também foi dado prazo para retirada das pocilgas dos locais. Os queijos produzidos por essas queijarias geralmente seguem para venda em Aracaju.

Integram a FPI 13 equipes formadas por profissionais de 29 instituições. A coordenação é realizada pelos Ministérios Públicos Federal e Estadual com apoio do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF).

“O objetivo da FPI é proteger o meio ambiente natural e cultural da Bacia do Rio São Francisco e melhorar a qualidade de vida do povo da região, por meio de ações planejadas e integradas de conservação e revitalização”, explica a procuradora da República Lívia Tinôco, coordenadora da FPI.

Com informações da assessoria da FPI

Você pode querer ler também