ARACAJU/SE, 23 de fevereiro de 2024 , 15:03:03

logoajn1

Água de três estações da Deso passa no teste de qualidade

Da redação, AJN1

A pedido da promotora de Justiça Euza Missano, da Promotoria dos Direitos do Consumidor do Ministério Público Estadual (MPE), técnicos das vigilâncias ambientais municipal e estadual vistoriaram três estações [Poxim, em São Cristóvão; João Ednaldo e Cabrita, em Nossa Senhora do Socorro] de tratamento da Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso) com o objetivo de analisar a qualidade da água.

A ação é um desdobramento da Fiscalização Preventiva Integrada (FPI/SE) do rio São Francisco, que aconteceu no último mês de outubro, iniciativa capitaneada pelos MPE e MPF, os quais encontraram problemas no sistema de abastecimento no município de Brejo Grande, região do Baixo São Francisco.

As análises não apontaram nenhuma irregularidade. Mas outras amostras serão encaminhadas ao Laboratório Central de Saúde Pública de Sergipe (Lacen), unidade da Fundação de Saúde Parreiras Horta (FSPH), para a averiguação mais detalhada.

Denúncia

No último dia 21, a vereadora por Aracaju, Kitty Lima (Rede), questionou, durante sessão plenária na Câmara Municipal, a qualidade da água fornecida pela Deso. Na tribuna, ela disse que as análises da água não estão sendo realizadas desde o último mês de agosto.

Segundo Kitty , há falta de um reagente utilizado na análise microbiológica que é feita no Lacen.

Você pode querer ler também