ARACAJU/SE, 18 de maio de 2024 , 4:43:34

logoajn1

Após 14 dias em greve, Policiais Civis decidem voltar ao trabalho nesta terça, 18

Da redação, AJN1

 

Os policiais civis retornaram as suas atividades nesta terça-feira (18), após 14 dias em greve. A decisão de voltar ao trabalho se configura em respeito à decisão do desembargador Alberto Romeu Gouveia Leite, que decretou a greve ilegal no último domingo (16).

O presidente do Sindicato dos Policiais Civis de Sergipe (Sinpol), João Alexandre Fernandes, disse que mesmo não sendo notificada, a categoria optou em encerrar a greve.

“Vamos ingressar o mais rápido possível com um processo para contestar a decisão sobre a ilegalidade da greve. Nós, enquanto trabalhadores, acreditamos ter direito de realizar paralisações. Estamos lutando pela pontualidade no pagamento e a integralidade dele por mês. Queremos ainda a implantação dos subsídios e a implantação do PCCV”, cobrou o líder sindicalista.

 

Visitas suspensas

 

De acordo com João, as visitas aos presos em delegacias continuam suspensas porque esse procedimento não estaria previsto em lei.

 

João Alexandre ainda revelou que, na próxima quinta-feira (20), a categoria vai se reunir no auditório da Acadepol, que fica localizada na avenida Tancredo Neves, para discutir as diretrizes do movimento grevista.

“Na ocasião, deverá ser abordado também o resultado da última reunião do Sinpol com o governador do Estado em exercício, Belivaldo Chagas”, expôs ele. 

 

Foto: Lindivaldo Ribeiro/CS

 

Você pode querer ler também