ARACAJU/SE, 21 de maio de 2024 , 19:03:47

logoajn1

Após questionar pesquisa da Justiça, Mendonça Prado poderá ser processado pela SSP de AL

A recente declaração do secretário de Segurança Pública de Sergipe, Mendonça Prado, acerca do resultado da pesquisa do Ministério da Justiça que põe Sergipe como um dos estados mais violentos do país, acabou repercutindo feio no estado vizinho de Alagoas. Após Mendonça Prado dizer que não concorda com os dados do levantamento e colocar em xeque os números referentes à redução da violência em Alagoas, o secretário da SSP daquele estado chamou de irresponsáveis as declarações de Mendonça Prado e garantiu que irá acioná-lo judicialmente.

 

Em nota, a SSP de Alagoas afirma que “mediante entrevista, insinuando que maquiamos dados, o secretário Alfredo Gaspar de Mendonça Neto adotou medidas judiciais, entre elas a interpelação em desfavor do secretário de Sergipe. Alagoas é um estado que trabalha com compromisso e tudo é armazenado em gráficos e tabelas sem maquiagens como insinuação durante a entrevista. A SSP/AL desafia qualquer pessoa a provar que usa de estratégia para esconder dados com a pretensão de reduzir índices da violência”.

 

A nota sugere ainda que a contagem feita por Alagoas, morto a morto e não por evento, resistência (mortes em confronto com a polícia), latrocínio e ainda as pessoas que são feridas, levadas ao hospital e morrem, deveria ser seguida por todos os estados da Federação.

 

“Dessa forma, conseguimos reduzir nossos índices em mais de 20% até setembro quando a previsão era de 12% até dezembro”, assegura a SSP alagoana.

 

Procurado, a assessoria de Mendonça Prado disse que ele ainda não foi notificado oficialmente do posicionamento do secretário Alfredo Gaspar de Mendonça Neto e que ele não irá se manifestar neste momento sobre o assunto.

 

Você pode querer ler também