ARACAJU/SE, 27 de maio de 2024 , 3:44:06

logoajn1

Armeira pega 18 meses de prisão por morte no filme ‘Rust’

 

Hannah Gutierrez-Reed, a armeira de ‘Rust’, recebeu pena máxima nesta segunda-feira (15) após ser condenada por homicídio culposo em março. O filme foi marcado pela morte da diretora de fotografia, Halyna Hutchins, após tiro acidental disparado pelo ator Alec Baldwin, em outubro de 2021.

A armeira de 26 anos — que era responsável por garantir a segurança com as armas no ambiente de trabalho — vai enfrentar uma pena de 18 meses, o tempo máximo que ela poderia pegar pelo crime de homicídio culposo. A sentença foi definida na frente de um juiz do Novo México, onde ela ficará detida.

Os promotores avaliaram que a armeira agiu com negligência no set ao não tomar os devidos cuidados com o local onde armazenou as armas e munições e com a verificação dos objetos. Na época da condenação, no entanto, ela foi inocentada da acusação relativa à adulteração de provas.

Hannah ainda pôde falar no tribunal nesta segunda e se emocionou ao tentar conseguir liberdade condicional, mas não obteve sucesso. “Meu coração dói pela família e amigos de Hutchins; Halyna sempre será uma inspiração para mim. Entendo que ela foi levada muito cedo e rezo para que todos encontrem paz”, disse ela, segundo a US Weekly.

“Meu coração está com a indústria cinematográfica pela dor devastadora que esta tragédia causou. Quando assumi ‘Rust’, eu era jovem e ingênua, mas levava meu trabalho a sério. Apesar de não ter tempo, recursos e equipe suficientes, quando as coisas ficaram difíceis, fiz o meu melhor para lidar com isso.”

Alec Baldwin, que também é produtor de ‘Rust’, se declarou inocente de uma acusação de homicídio culposo, quando não há intenção, ainda em janeiro deste ano. Ele passará pelo julgamento em julho e, assim como a armeira, pode pegar até 18 meses de prisão.

Após a condenação em março, a família da vítima deixou claro que não vai se contentar com a condenação apenas de Hannah. “Os pais de Halyna e sua irmã sempre quiseram que todos os responsáveis ​​pela morte de Halyna fossem responsabilizados”, disseram os advogados da família, Gloria Allred e John Carpenter.

Halyna Hutchins morreu em outubro de 2021 após ser atingida pelo disparo da arma que estava nas mãos do protagonista, Alec Baldwin, durante as filmagens.

O ator disse que não puxou o gatilho (mas sim o martelo ou ‘cão’) do revólver, que deveria estar com munição cenográfica, mas tinha projéteis reais carregados; na ocasião, ele recebeu o revólver em mãos para a gravação e lhe foi dito que era uma “arma fria”, ou seja, descarregada e segura para o uso nas filmagens. O diretor Joel Souza também se feriu no incidente.

Fonte: Monet

Você pode querer ler também