ARACAJU/SE, 22 de abril de 2024 , 17:02:32

logoajn1

Chuvas provocam alagamentos em várias ruas da capital

Da redação, AJN1

 

O Aracajuano enfrentou transtornos para sair de casa na manhã de hoje (25). Em virtude das chuvas que caem na capital desde a última segunda-feira (23) houve alagamento em vários pontos da capital.

 

Na avenida Euclides Figueiredo, nas imediações do bar de Maria Gorda, no bairro Santos Dumont, a água tomou conta da via e invadiu algumas casas, impedindo até mesmo a passagem de ônibus.

 

"É só chover que a situação se repete. Tem a promessa de uma obra para combater os alagamentos, mas pelo visto vai ficar só na promessa", disse a dona de casa Marília Ferreira.

 

Por conta da chuva, quem precisou sair ou entrar no bairro Soledade encontrou dificuldade. No Jardim Bahia o canal transbordou alagando várias ruas. A realidade é a mesma em algumas ruas dos bairros 17 de Março e Santa Maria.

 

A situação se repetiu em ruas próximas ao Centro, principalmente na Pacatuba, Estância e Boquim. O canal da avenida Airton Teles, no bairro Santo Antônio, também transbordou impedindo o tráfego na localidade e no trecho da avenida Simeão Sobral entre João Ribeiro e Antônio Cabral.

 

No trecho da avenida Augusto Maynard sentido rua Ivo do Prado, também houve alagamento e o trânsito ficou parado. Outro ponto de alagamento, que já é considerado histórico, fica na avenida Coelho e Campos, nas imediações do restaurante Padre Pedro.

 

Segundo o coordenador da Defesa Civil de Aracaju, coronel Reginaldo Moura, até o momento não foi registrado nenhum caso de desabamento. Ele informou que desde o início da semana que as equipes da Defesa Civil estão nas ruas monitorando as áreas consideradas de risco.

 

Acumulado

 

De acordo com o meteorologista Overland Amaral a instabilidade climática deve persistir até a próxima semana. Ele explicou que além do sistema de Ondas Leste, uma frente fria vinda do Reconcavo Baiano, tem provocado as chuvas. O acumulado de chuvas desde a segunda-feira é de 120 milímetros.

 

"As chuvas devem se estender até o dia 31. Elas devem se concentrar no litoral e nas regiões Centro Sul e Centro Oeste, nas regiões de Lagarto e Simão Dias. Teremos chuvas continuadas em todas as regiões e no Sertão serão leves e moderadas". 

Você pode querer ler também