Como Nossa Senhora Aparecida se tornou padroeira do país mais católico do mundo

 

Todos conhecem a imensa devoção que os brasileiros têm a Nossa Senhora Aparecida. E essa história de fé começou há mais de 300 anos. Foi quando três pescadores, após frustrada tentativa de pegar peixes no rio Paraíba do Sul, perto de onde fica o Santuário de Aparecida atualmente, colheram em suas redes o corpo de uma estátua de Maria. Depois, também encontraram a cabeça dela.

Os pescadores relataram que, logo após, a pescaria tornou-se farta. Por isso, muitos passaram a considerar a imagem como milagrosa. O fato suscitou o início desta grande devoção.

Um sacerdote, então, dedicou uma capela a ela a Nossa Senhora da Conceição Aparecida. Em 1846, deu-se início à construção de um templo maior, que ainda hoje existe. Já em 1980 foi concluída a monumental basílica, destino de inúmeras peregrinações durante o ano inteiro.

Aparecida, a padroeira do Brasil

Mas como Nossa Senhora Aparecida se tornou a padroeira do Brasil? No site A12, o Padre Camilo Júnior, C.Ss.R resumiu didaticamente o processo que levou à proclamação da Mãe Aparecida como “Rainha e Padroeira do Brasil”.

De acordo com o sacerdote, tudo começou em 1884, quando a princesa Isabel visitou o Santuário de Aparecida. Ela foi até o local com o esposo, Conde D’Eu para agradecer pela vida dos seus três filhos. Na ocasião, a princesa ofereceu uma coroa de ouro a Nossa Senhora.

Depois, o papa Pio X, permitiu a coroação da imagem de Nossa Senhora Aparecida. A cerimônia aconteceu no dia 08 de setembro de 1904. A Missa solene teve lugar em frente à Basílica Velha, e cerca de 15 mil fiéis acompanharam o momento histórico de devoção.

Diante do fervor da devoção e do crescente número de pedidos, no dia 16 de julho de 1930, o Papa Pio XI declarou Nossa Senhora Aparecida como padroeira do Brasil. Entretanto, a cerimônia oficial de proclamação da padroeira ocorreu só em 31 de maio de 1931, na cidade do Rio de Janeiro (antiga capital da República Federativa do Brasil). Um milhão de fiéis acompanharam.

Vale dizer que, até a data, São Pedro de Alcântara era o padroeiro do Brasil. Em 1826, Dom Pedro I solicitou ao Papa Leão XII que São Pedro de Alcântara obtivesse o título. Ele era muito venerado pela família real portuguesa. Hoje, São Pedro de Alcântara é o co-padroeiro do Brasil.

Festa de Nossa Senhora Aparecida

Em 1980, o então presidente da República, João Batista Figueiredo, decretou o 12 de outubro como feriado Nacional pela celebração da Rainha e Padroeira do Brasil. Antes, porém, em 1954, a CNBB havia pedido à Santa Sé que fixasse a data da Festa de Nossa Senhora Aparecida no dia 12 de outubro. Antes, a festa ocorreu em várias datas: 1º de maio, 8 de setembro, 8 de dezembro, 25 de março, etc.

Fonte: Aleteia