ARACAJU/SE, 18 de junho de 2024 , 0:14:19

logoajn1

Defesa Civil faz monitoramento aéreo das áreas de risco

 

A Defesa Civil de Aracaju vem utilizando um drone para o mapeamento aéreo de área de risco. A ação preventiva tem como objetivo monitora essas regiões mais vulneráveis às chuvas, enchentes, deslizamentos de terras, dentre outras ocorrências. O trabalho que começou nesta semana no bairro Porto Dantas, na zona norte, onde foram captadas imagens aéreas.

O recurso possibilita que os pontos monitorados pela Defesa Civil possam ser atualizados com maior precisão. “Conseguimos visualizar, dessa maneira, a situação de risco especialmente nas regiões de encostas. As imagens, com melhor ângulo, permitem que possamos avaliar melhor a situação de cada residência e, assim, adotar as medidas cabíveis de forma preventiva”, ressaltou o coordenador da Defesa Civil de Aracaju, capitão Sílvio Prado.

De acordo com o geólogo do órgão, Lucas Menezes, a estratégia agrega ainda mais eficiência ao trabalho que já vem sendo desenvolvido pela equipe. “Esse trabalho, inicialmente, era feito por meio da atuação em campo, percorrendo as ruas da cidade, com o veículo. Passamos a utilizar, também, imagens de satélite, em alta resolução. Mas, com esse novo recursos conseguiremos ainda mais precisão para à coleta de dados”, destacou.

As classificações relacionadas as condições das residências podem ser de alto, muito alto, médio ou baixo risco. “Em caso de risco muito alto, o risco iminente, a situação demanda remoção imediata ou de obra de contenção imediata”, acrescentou o geólogo.

Para essa implementação o órgão contou com a parceria da Secretaria Municipal de Comunicação Social (Secom), através da qual foi possível viabilizar a captação das imagens com utilização de um equipamento drone.

*Com informações PMA

Você pode querer ler também